Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mOVIMENTO de hUMOR

Desenhos originais com um hUMOR que ou fazem pensar ou fazem ranger os dentes.

ONDE ANDAM OS "COMBATENTES DAS TIRANIAS" ?

Gomes, 19.10.20

MH OUTUBRO 20-13.jpg

O Jornal de Notícias,
neste sábado, tinha um artigo
sobre as 3500 multas passadas
durante estes últimos 3 meses e meio
a quem não respeita as medidas
de travar o covid (Gripe Chinesa) - ESTAS MEDIDAS
REDUZIRAM O NÚMERO DE CONTAMINADOS
COM A GRIPE CHINESA?
 
Pois, não!
 
Se considerarmos
a multa mais baixa - 100 euros multiplicado por 3500 multas dá 350 000 euros.
Se dividirmos por 105 dias (3 meses e meio)
dá a módica quantia de 3400 euros POR DIA!
 
TRÊS MIL E QUATROCENTOS EUROS
POR DIA A ENTRAREM NOS COFRES DO ESTADO
POR CAUSA DA GRIPE CHINESA?
FORA O IVA NAS COMPRAS DAS MÁSCARAS (apesar de baixarem o valor :D)
 
As medidas vão ser mais apertadas?
 
Claro! Dá lucro ao Estado!
 
No mesmo jornal vinha uma outra notícia: Cáritas
(sim, a instituição católica)
apoiaram com 80 mil euros para pagar rendas,
medicamentos e cresce pedidos de apoio alimentar.
 
O Estado português paga 11 Milhões de euros
para o WebSummit para um evento que vai ser feito on line.
 
O governo já pagou pela StayAway Covid - 400 Mil euros.
 
Os partidos apoiaram com quanto?
 
Há mais: o PS, com apoio de Marcelo Rebelo de Sousa
e dos partidos de esquerda andam a entregar 500 milhões de euros à TAP,
mas esta companhia vai despedir cerca de 2000 pessoas. Que é isto?
 
Onde andam os "Combatentes contra a Tirania" ?
 
Mantenham-se alerta!
Gomes
19/10/2020

O PAÍS SÓ NÃO PRECISA É DE TOLOS A GOVERNAREM PORTUGAL !

Gomes, 18.09.20

MH SETEMBRO 20-15.jpg

O senhor primeiro ministro, António Costa,
(não o benfiquista),
disse em conferência
(não foi em off)
em Abril de 2018
que: «O país precisa de imigração
e de atrair talentos para Portugal»
Continuou a dizer que Portugal necessitava
que migrassem mais jovens estrangeiros
com talento para desenvolver o nosso país.
Confirme aqui mais disparates de António Costa: https://www.rtp.pt/.../antonio-costa-diz-que-o-pais...
Dizia que a natalidade
não compensava (talvez por isso a política
de saúde dos lares de idosos -2020).
Agora vejam os números de jovens portugueses
formados em Portugal
(que também necessitam do dinheiro dos impostos - MAIS desperdício de verbas públicas)
QUE SAIEM DE PORTUGAL
Segundo dados da Pordata
o número ronda as 80 mil portugueses que abandonam Portugal por ano.
Em 2019 foi de 77040 portugueses que saíram do país.
Num país com população envelhecida 77 mil pessoas a saírem
(em 2019) prova que o primeiro ministro foi incompetente
e mais incompetente em dar como solução a imigração.
Vamos ver a questão dos portugueses que saírem com formação :
A Ordem dos Enfermeiros afirma
que recebeu 4.506 pedidos de certificado
de equivalência para exercer no estrangeiro durante 2019.
Só no caso dos enfermeiros
e onde o governo vai a seguir homenagear com enorme desfaçatez e burrice o Serviço Nacional de Saúde.
Faz isto para enganar os portugueses?
Não estamos a contabilizar os jovens
que se formam e que acabam como caixas
de supermercado ou a fazer tele-atendimento,
enfim a tentarem sobreviver.
E ANTÓNIO COSTA A PEDIR IMIGRANTES
PARA PORTUGAL - seria uma anedota
se não afetasse tantas famílias.
Agora, em Setembro de 2020,
eis o que a revista Sábado notícia: «Mais de duas dezenas de migrantes desembarcaram no Algarve.
A SÁBADO já investigou as rotas
que grupos de marroquinos usam para chegar a Portugal.»
A questão é se estes migrantes
vêm por intermédio de redes criminosas de passe?
O SEF tem meios para investigar?
Não nos parece.
Mas este governo de tontos
continua a considerar a solução de Portugal a maior imigração.
Ninguém de bom senso
é contra a Imigração ou contra a emigração.
Não é disso que se trata.
Apenas não nos devemos deixar enganar
por discursos falaciosos e idiotas
de que a imigração é a salvação de Portugal.
Mas vamos ver quantos portugueses saem
e quantos estrangeiros legais entram
- em 2019 saíram 77 mil portugueses
- no mesmo ano de 2019 entraram 111 mil estrageiros LEGAIS
(segundo jornal Expresso a entrada de imigrantes: https://expresso.pt/.../2019-11-12-Imigracao-para...)
Não encontramos dados
sobre as qualificações dos que saem
e dos que entram.
Mas o que estamos a falar
é que entram apenas mais 30 mil pessoas
do que saem
isto apenas em 2019.
Também sabemos que a maioria
de jovens portugueses que saem têm cursos superiores
e por isso vão para países como a Inglaterra,
Alemanha ou Holanda.
Logo o que estamos a falar
é de MENOS IDIOTICE POR PARTE DO GOVERNO
para fixarem os jovens em Portugal
e não de considerar como "salvação nacional" os migrantes.
A salvação nacional só é feita
se tivermos menos gente incompetente
e menos má fé na equipa governamental,
mas com um incompetente e "chico-esperto"
como o primeiro ministro
como pode haver este milagre?
Mantenham-se alerta!
Gomes
18/09/2020

VACAS MAGRAS, AMEAÇAS, ALDRABICES E PENHORA DE PORTUGAL

Gomes, 01.09.20

MH SETEMBRO 20-01.jpg

 

Coimbra foi ontem palco
de mais umas promessas
como a que foi a da construção
de um aeroporto no Concelho de Coimbra.

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, defendeu que:
«Os próximos tempos serão de ressaca.
Muitas empresas não conseguirão sobreviver
e muitos empregos se perderão», alertou o ministro da Economia, orador do debate “Recuperar Portugal”.

Mesmo com a ajuda da Europa (400 mil milhões de euros)
o ministro da Economia avisou: «o desemprego vai crescer,
mas ficará abaixo da crise anterior».

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social
enfatizou a importância de «quebrar ciclos de sub-qualificação
e ciclos de pobreza» e de construir soluções
com base num «efectivo diálogo social».
Entenderam?

Ainda disse mais para esclarecer:
«Os trabalhadores, na paz social, TÊM DE SER PARTE ACTIVA DA SOLUÇÃO » - traduzindo: DESENRASQUEM-SE SOZINHOS !

António Costa de Agosto entrou em conflito com António Costa de Abril (no mesmo ano de 2020).
Pois António Costa de Agosto
admitiu que Portugal entrou em crise económica,
social e até política;
enquanto António Costa de Abril
disse que não haveria austeridade em Portugal.

António Costa de Abril (minuto 3:01) :
https://sicnoticias.pt/especiais/coronavirus/2020-04-23-Antonio-Costa-garantiu-que-nao-havera-austeridade-em-Portugal-depois-da-pandemia

António Costa de Agosto diz que afinal há crise profunda e que não fez ameaça para sair:
https://sicnoticias.pt/economia/2020-08-31-Antonio-Costa-diz-que-nao-fez-qualquer-ameaca-para-conseguir-aprovacao-do-Orcamento-do-Estado

Quando alguns dias anteriores a esta declaração,
António Costa deixou o aviso:
«se não houver acordo, não há Orçamento [para 2021]
e há uma crise política».
E «aí estaremos a discutir qual é a data em que o Presidente
terá de fazer o inevitável».

Fonte aqui: https://rr.sapo.pt/2020/08/29/politica/costa-avisa-sem-acordo-nao-ha-orcamento-e-ha-crise-politica/noticia/205203/

Como Coimbra até teve promessas não cumpridas,
mas ainda assim votou mais no PS,
é natural que possa ser a cidade capital da aldrabice.

Perguntamos todos nós: «E os 400 mil milhões da Europa?»

A ajuda da Europa vai servir para:

1_Que Costa ainda se mantenha no governo por mais uns tempinhos, pois vai negociando umas medidazinhas (coisas pequenas para que eles aprovem o desbaratar do capital) à Esquerda;

2_Possam ser pagas todas as mordomias e ordenados do governo mais caro de Portugal (aqui obviamente que não há cortes nem crise económica, nem política nem social);

3_Vão servir para pagar dívidas da banca, como foi o caso da entrega de capital ao Novo Banco antes da auditoria que, depois da entrega do capital, a auditoria revela hoje que há perdas de mais de 4 mil milhões no Novo Banco ( ver aqui: https://sicnoticias.pt/economia/2020-09-01-Auditoria-revela-perdas-de-mais-de-4-mil-milhoes-no-Novo-Banco). Notem que o Chefe de gabinete do senhor Primeiro ministro é um economista (o senhor Vítor Escária) com curriculum no governo de José Sócrates - o que levou Portugal para a crise. Como economista de José Sócrates está preparado para fazer contas de subtrair.

Com tudo isto quem vai pagar a dívida da ajuda?

Pois...ninguém fala de combate ao tráfico de influencias, nem do combate à corrupção passiva e activa.

O senhor presidente da República vai dando umas larachas sobre as brincadeiras de Costa.
Ver aqui: https://rr.sapo.pt/2020/08/30/politica/marcelo-responde-a-ameaca-de-crise-politica-a-faca-e-o-queijo-estao-nas-maos-do-presidente/noticia/205297/

Marcelo Rebelo de Sousa em vez de pressionar o governo
para se conter neste momento de crise,
entra na brincadeira do faz-de-conta :
«que tu não sais
por que eu não deixo
e eu faço de conta que não me candidato.»

Mantenham-se alerta!

Gomes
01/09/2020

BAZUCA ECONÓMICA DA EUROPA, GAMBUZINOS, COVID-19 E A DOENÇA DA CORRUPÇÃO SEM MÁSCARA DE VERGONHA

Gomes, 07.08.20

MH AGOSTO 20-06.jpg

O senhor primeiro ministro, António Costa, anda todo contente com 6,7mil milhões de euros entregues pela Europa durante 6 anos - multiplicando dá 40,2 mil milhões de euros.

O plano para gerir este valor
entregou-o a António Costa Silva,
que não pertence ao maior governo em Portugal.
Mais gente no governo,
mais despesa ao erário público
e menos capacidade demonstrada
no convite a técnico exterior.

Não há aqui um mau cheiro?

Como é que o senhor primeiro ministro
decidiu pedir o plano?

Nas próprias palavras do primeiro ministro António Costa:
«- Estava a ver uma entrevista na RTP a António Costa Silva e disse: cá está uma boa pessoa para me fazer um plano de gestão da "bazuca económica"».

Não acredita?
Veja a reportagem da RTP
onde é o próprio António Costa a afirmar:
https://www.rtp.pt/…/pm-assume-que-governo-tem-bazuca-na-ma…

A situação é no mínimo "infantil" .

Mas, Costa, continua a brincar com os portugueses
dizendo que não há pacto entre PS e PSD - a tal caça ao gambuzino (lembramos que Costa e Rui Rio concordaram em que fosse muito mais reduzida a prestação de contas na Assembleia da República - onde governo e maior oposição concordarem que está tudo muito bem).
Logo, parece que há uma falha de verdade
na tal caça ao gambuzino !

Para maior "brincadeira"
com a vida dos portugueses, é afirmado
que não há corrupção em Portugal.

"Não, que ideia absurda!"

Num artigo de Pedro Corvelo
no Jornal de Negócio
datado de Dezembro 2018 diz:
«Os custos para Portugal da corrupção cifram-se em 18,2 mil milhões de euros por ano, o que corresponde a cerca de 7,9% do produto interno bruto (PIB).
Os dados constam de um relatório apresentado
esta sexta-feira pelo grupo no Parlamento Europeu
dos Verdes/Aliança Livre Europeia. (...)»

https://www.jornaldenegocios.pt/…/corrupcao-custa-a-portuga…

Agora façam as contas connosco:
18,2 mil milhões de euros que custa a corrupção
por ano em Portugal
vezes os tais 6 anos
(que a Europa nos dá de ajuda)
a conta dá um resultado de 109,2 mil milhões de euros.

Ou seja: controlar a corrupção
dá a Portugal 109,2 mil milhões de euros em 6 anos - vamos retirar 9,2 mil milhões para a estrutura no combate a esta "doença" que mina as finanças - dá 100 mil milhões de euros.

100 MIL MILHÕES DE EUROS É MAIS DO QUE A "BAZUCA"
PEDIDA EM JEITO DE ESMOLA NA EUROPA
(40 MIL MILHÕES DE EUROS - parte paga com jurozinhos)
QUE ANTÓNIO COSTA APREGOA QUE VAI AJUDAR PORTUGAL.

Será que se o Movimento de Humor
fosse a uma entrevista da RTP
o senhor António Costa
acordava da sua "infantilidade"?

Agora a pergunta óbvia:
- Será que os nossos governantes
sofrem de "infantilidade"
ou não há ingenuidade nenhuma
na falta de combate à corrupção?

É tudo uma espécie de CAÇA AOS GAMBUZINOS!

Mantenham-se ALERTA!

Gomes
07/08/2020

MUITA GENTE JUNTA, MUITOS PROBLEMAS

Gomes, 08.07.20

MH JULHO 20-07.jpgNo dia 7 de Julho de 2018
o governo de António Costa
garantia que em 2019 iniciava o Metro em Coimbra.

O ministro que prometeu,
e não cumpriu,
foi "defender" os interesses de Portugal
na Europa
(percebe-se quais os interesses que vai defender).

(Confirmar aqui: https://www.youtube.com/watch?v=XMENuJyWqu4)

Em 2020 é anunciado: «O Orçamento do Estado (OE)
para 2020 reserva 22 milhões de euros para o Sistema
de Mobilidade do Mondego (SMM), a executar este ano,
o que equivale a 26% do investimento total no projeto,
que inclui intervenções no antigo ramal ferroviário da Lousã
e na construção de uma linha urbana, em Coimbra,
entre a Baixa e os Hospitais da Universidade.»

(Ver aqui: https://observador.pt/2020/02/14/governo-lanca-empreitada-de-abertura-do-canal-do-metrobus-em-coimbra/)

Também em 2020 é anunciado: «Em maio, o Metropolitano
de Lisboa assinou o contrato para a primeira empreitada
do plano de expansão da rede, num investimento de 48,6 milhões de euros. O Governo estima iniciar a obra
ainda este ano.»

(Ver aqui: https://www.noticiasaominuto.com/economia/1525542/metro-de-lisboa-inicia-hoje-estudo-na-estrela-previo-a-obra-de-expansao)

Qual o investimento a arrancar primeiro: a expansão do Metro Lisboa ou de Coimbra?

Investir ainda mais em Lisboa não junta mais gente e isso não aumenta a propagação do COVID-19?

Façam as vossas contas.

Mantenham-se alerta.

Gomes
08/07/2020