Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mOVIMENTO de hUMOR

Desenhos originais com um hUMOR que ou fazem pensar ou fazem ranger os dentes.

AINDA PENSAM QUE "ESTÁ TUDO BEM"?

Gomes, 30.10.20

MH OUTUBRO 20-22.jpg

A Esquerda uniu-se para dar poder a António Costa,
mas ao mesmo tempo foi chantageando o PS.
 
Costa como sempre foi "comilão"
aceitou confiando na sua esperteza saloia.
 
Foi dando a camaradas do partido
(empresas das famílias dos governantes
e até o Presidente da República foi "ajudado"),
foi dando algumas benesses
ao Bloco de Esquerda e ao Partido Comunista Português.
Enquanto havia capital beneficiaram os anticapitalistas, o povo esse aguentava.
Já que tinha aguentado os cortes
do governo do PSD e CDS,
impostos pela TROIKA trazida pelo socialista José Sócrates,
o povo (gente que só tem poder na urna de votos)
aguentaria mais umas brincadeiras políticas.
 
Essas brincadeiras passaram por: "vender o Novo Banco",
mas com o compromisso de pagar as dívidas
e deixar as receitas para os sócios.
Tudo isto com a bênção da Esquerda Unida (ou geringonça)
desde que passasse a lei das crianças
que podiam mudar de género
e outras palermices do mesmo GÉNERO
(como as touradas, a eutanásia,
as multas pelas betas no chão, etc. etc.) ;
 
Entregar dinheiro às pazadas a instituições públicas,
sem se saber exatamente o que se fazia com esse dinheiro,
foi sempre prática corrente da geringonça;
 
Discutir-se a 'subida' ou a 'descida' de impostos,
mas nunca se discutir exatamente o que se está a fazer
a esse capital;
 
Culpa-se a Banca, mas colocam-se de lado
as GIGANTES asneiras da Caixa Geral de Depósitos
(mesmo quando a porcaria transborda
e chega aos pés dos deputados "anticapitalistas");
 
Grita-se contra o capitalismo
que se aproveita da especulação imobiliária,
mas encontram-se no BE quem usa esse capitalismo para seu beneficio pessoal;
 
Berra-se contra os despedimentos
e defende-se os direitos dos trabalhadores, mas o PCP despede sem justa causa nem quer cumprir as normas legais por que tanto berra;
 
Defendem no Parlamento a ajuda aos desfavorecidos,
mas os partidos aprovaram lei onde os seus partidos
são isentos de pagar impostos;
 
Neste absoluto desgoverno
havia união das Esquerdas,
mas agora que o capital acabou
acabou a união entre os anticapitalistas.
 
Confirme nas notícias mais recentes.
 
Mantenham-se alerta!
 
Gomes
30/10/2020

TAP RECEBE MUITO DINHEIRO DO ESTADO, MAS CONTINUAM OS DESPEDIMENTOS ?

Gomes, 26.10.20

MH OUTUBRO 20-18.jpg

As empresas apoiadas pelo erário público não podem despedir trabalhadores, excerto a empresa pública TAP.
O Estado Português (todos nós) já somos detentores de mais de 70% da TAP pela injeção de capital do erário público.
O argumento,
invocando a razão desta entrega de verbas públicas,
por parte do Partido Socialista, do BE, CDU e PAN era a proteção dos trabalhadores.
O dinheiro está a ser entregue. Neste Orçamento de Estado para 2021 vai ser reforçado com mais verbas, mas os despedimentos continuam.
Mais um testemunho
de como nos andam a atirar areia para os olhos!
Mantenham-se alerta!
Gomes
26/10/2020

BAZUCA ECONÓMICA DA EUROPA, GAMBUZINOS, COVID-19 E A DOENÇA DA CORRUPÇÃO SEM MÁSCARA DE VERGONHA

Gomes, 07.08.20

MH AGOSTO 20-06.jpg

O senhor primeiro ministro, António Costa, anda todo contente com 6,7mil milhões de euros entregues pela Europa durante 6 anos - multiplicando dá 40,2 mil milhões de euros.

O plano para gerir este valor
entregou-o a António Costa Silva,
que não pertence ao maior governo em Portugal.
Mais gente no governo,
mais despesa ao erário público
e menos capacidade demonstrada
no convite a técnico exterior.

Não há aqui um mau cheiro?

Como é que o senhor primeiro ministro
decidiu pedir o plano?

Nas próprias palavras do primeiro ministro António Costa:
«- Estava a ver uma entrevista na RTP a António Costa Silva e disse: cá está uma boa pessoa para me fazer um plano de gestão da "bazuca económica"».

Não acredita?
Veja a reportagem da RTP
onde é o próprio António Costa a afirmar:
https://www.rtp.pt/…/pm-assume-que-governo-tem-bazuca-na-ma…

A situação é no mínimo "infantil" .

Mas, Costa, continua a brincar com os portugueses
dizendo que não há pacto entre PS e PSD - a tal caça ao gambuzino (lembramos que Costa e Rui Rio concordaram em que fosse muito mais reduzida a prestação de contas na Assembleia da República - onde governo e maior oposição concordarem que está tudo muito bem).
Logo, parece que há uma falha de verdade
na tal caça ao gambuzino !

Para maior "brincadeira"
com a vida dos portugueses, é afirmado
que não há corrupção em Portugal.

"Não, que ideia absurda!"

Num artigo de Pedro Corvelo
no Jornal de Negócio
datado de Dezembro 2018 diz:
«Os custos para Portugal da corrupção cifram-se em 18,2 mil milhões de euros por ano, o que corresponde a cerca de 7,9% do produto interno bruto (PIB).
Os dados constam de um relatório apresentado
esta sexta-feira pelo grupo no Parlamento Europeu
dos Verdes/Aliança Livre Europeia. (...)»

https://www.jornaldenegocios.pt/…/corrupcao-custa-a-portuga…

Agora façam as contas connosco:
18,2 mil milhões de euros que custa a corrupção
por ano em Portugal
vezes os tais 6 anos
(que a Europa nos dá de ajuda)
a conta dá um resultado de 109,2 mil milhões de euros.

Ou seja: controlar a corrupção
dá a Portugal 109,2 mil milhões de euros em 6 anos - vamos retirar 9,2 mil milhões para a estrutura no combate a esta "doença" que mina as finanças - dá 100 mil milhões de euros.

100 MIL MILHÕES DE EUROS É MAIS DO QUE A "BAZUCA"
PEDIDA EM JEITO DE ESMOLA NA EUROPA
(40 MIL MILHÕES DE EUROS - parte paga com jurozinhos)
QUE ANTÓNIO COSTA APREGOA QUE VAI AJUDAR PORTUGAL.

Será que se o Movimento de Humor
fosse a uma entrevista da RTP
o senhor António Costa
acordava da sua "infantilidade"?

Agora a pergunta óbvia:
- Será que os nossos governantes
sofrem de "infantilidade"
ou não há ingenuidade nenhuma
na falta de combate à corrupção?

É tudo uma espécie de CAÇA AOS GAMBUZINOS!

Mantenham-se ALERTA!

Gomes
07/08/2020

MAIS FÁCIL EM COIMBRA

Gomes, 09.06.20

MH JUNHO 20-8.jpg

Um inquérito realizado em Coimbra, na última semana concluiu que o uso da máscara facial, para combater a pandemia, não levantou grandes problemas a elevado número de conimbricenses.

Ao contrário do que sucedeu noutras zonas do país, uma larga fatia da população coimbrã começou a utilizar correctamente a máscara desde o início.

Os especialistas dividem-se quanto à explicação para tal comportamento, mas está a aumentar o número dos que aludem à experiência dos habitantes de Coimbra com máscaras.

Com efeito, há anos que muitos conimbricenses utilizam máscaras nos olhos para não ver os resultados da desastrosa gestão autárquica.

Agora, quando a pandemia chegou a Portugal, esses milhares de cidadãos facilmente desviaram a máscara que lhes cobria os olhos para a zona do nariz e da boca.

Embora ainda não existam conclusões definitivas, os especialistas estão cada vez mais convencidos de que encontraram a explicação para o "fenómeno de Coimbra".

[Texto do nosso amigo Mário Martins]

Ilustração de Gomes
09/06/2020